Mestrado

Condição Física no Desporto e Exercício

Escola Superior de Ciências Sociais, Educação e Desporto

Coordenador de Curso

Nuno Jorge Sousa Moreira Pimenta

Destinatários

  • Titulares do grau de licenciado na área das Ciências do Desporto, Ciências da Saúde, Dança ou outras afins;
  • Titulares de um grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de um 1º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios de Bolonha por um Estado aderente a este processo, na área científica deste ciclo de estudos ou em áreas afins;
  • Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido pelo Conselho Técnico-Científico do IPMAIA como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado, na área científica deste ciclo de estudos ou em áreas afins;
  • Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido pelo Conselho Técnico-Científico do IPMAIA como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos.

Publicação em Diário da R​​epública​

Aviso nº 12044/2020 (2ª série), Nº 160 de 18 de agosto de 2020

Acreditação do Ciclo de Estudos​

Guião de Autoavaliação do ciclo de estudos
Informação oficial da A3ES: Resultado da acreditação 
Estado: Acreditado 6 anos
Data da Publicação:  17-06-2020

Descrição

O Mestrado em Condição Física no Desporto e Exercício tem o objetivo geral de desenvolver um conhecimento aprofundado dos estudantes na área da Condição Física, estimulando o seu espírito crítico na abordagem a esta área emergente. Este ciclo de estudos pretende capacitar profissionais qualificados e especializados para a intervenção na otimização do rendimento desportivo e no acompanhamento da prática de exercício físico, através do aprofundamento de conhecimentos e competências de diagnóstico, avaliação e prescrição de programas de treino, monitorização e intervenção direta. Os estudantes interpretarão e assimilarão distintos conceitos, abordagens e práticas relacionadas com a otimização da condição física, adquirindo conhecimentos e competências para um adequado e altamente especializado planeamento, controlo e intervenção no desporto e exercício físico. Adicionalmente, os futuros diplomados terão competências aprofundadas para o desenvolvimento de investigação científica aplicada.

Objetivos

O conjunto das unidades curriculares que compõem o plano de estudos visa dotar os estudantes dos seguintes conhecimentos, aptidões e competências:

  • Conhecer os conceitos avançados e estratégias de avaliação, planeamento, prescrição e controlo de programas de treino em diferentes contextos;
  • Desenvolver a capacidade de elaboração e intervenção em programas de otimização da condição física e do rendimento;
  • Desenvolver a integração do conhecimento de âmbito multidisciplinar, nomeadamente as ciências da nutrição, a terapia e reabilitação e a psicologia do desporto;
  • Estimular e orientar para o uso de novas tecnologias, no auxílio da avaliação e da monitorização do treino;
  • Desenvolver um espírito científico crítico, para uma adequada integração em projetos de investigação aplicada realizados neste âmbito, preferencialmente em equipas multidisciplinares e centros de investigação.

Saídas profissionais e empregabilidade

Este curso habilita os seus titulares para exercer as seguintes funções a nível avançado:

  • Preparador físico;
  • Recuperador físico – acompanhamento do retorno à prática após paragem ou lesão;
  • Treino personalizado (PT) com atletas e praticantes de exercício físico;
  • Analista da performance;
  • Coordenador técnico.

​Aspetos Diferenciadores

  • Plano de estudos inovador e adequado às mais recentes exigências do contexto profissional e científico;
  • Corpo docente altamente especializado, aliando um elevado conhecimento científico a uma vasta experiência prática;
  • Elevado número de protocolos com clubes desportivos e ginásios, para a realização de estágio e/ou de investigação científica;
  • Campus académico com excelentes infraestruturas e acessibilidades.

Propinas/Bolsas e financiamento

​O IPMAIA procura ajudar a financiar os estudos (propinas​​), pelo que promove um conjunto de apoios financeiros, tais como protocolos, bolsas e financiamento.

​​

Interessado?

Candidata-te aqui